English

ANUÁRIO 2015


R$ 89,00
Como esquecer o ano da Operação Lava Jato e da crise política que fez a economia e o avanço social no Brasil andarem como caranguejos? O vírus zika, o fracasso da reforma no ensino público paulista e a catástrofe ambiental em Mariana, em Minas Gerais, também foram notícia. O pessimismo do mercado e a paralisia do governo congelaram o ambiente arquitetônico, e os escritórios derreteram. Diante de tanta notícia ruim, o deleite do setor – tema do anuário de 2015 – reverbera raras obras idealizadas na euforia anterior.

5 de janeiro  Início da operação do FL Residence, uma torre com confortáveis apartamentos de um quarto para hospedagem. Ele foi o último empreendimento inaugurado do complexo FL 4300, entregue no semestre anterior e composto por mais duas torres de escritórios. O conjunto fica na avenida Faria Lima – um dos endereços mais valorizados de São Paulo – e foi 100% vendido no lançamento por 250 milhões de reais em 2011 (com o dólar a R$ 1,60).
 
 
*
 
1º de maio  Abre a Exposição Universal de Milão, na Itália, evento internacional de intercâmbio comercial, criado na Inglaterra durante a Revolução Industrial. A exposição ocorre a cada cinco anos em cidades que se candidatam para recebê-la, e nesta edição o tema foi o alimento. Até o final de outubro, quando a mostra milanesa foi encerrada, ela atraiu 21,5 milhões de visitantes. 
 
 
*
 
26 de novembro  No fim da manhã, Davi Kopenawa liderou uma pajelança no interior de Minas Gerais. Vestindo camiseta azul de uma associação de ONGs amazônicas, o xamã yanomami tinha a face ornada por desenhos pintados com urucum. Os cerca de 200 espectadores integram o círculo brasileiro das artes plásticas, e o rosto de um deles também estava pintado. Era o curador Rodrigo Moura, cujo sorriso entregava a sensação de dever cumprido após cinco anos idealizando o espaço que estava sendo inaugurado, a 19ª galeria de Inhotim, instituto privado dedicado à arte contemporânea. 
 
 
 
*
 
17 de dezembro  “Me marcou muito ver que na abertura, na parte inicial do museu, o que nós temos é o que havia de mistura entre cientista, filósofo e pensador da Grécia Antiga, do século VI antes de Cristo, Heráclito de Éfeso, e não de algum cientista”, discursou Dilma Rousseff, vestida de preto com um casaquinho salmão. Ao invés do helicóptero, ela aportou na praça Mauá a bordo de um VLT para inaugurar o Museu do Amanhã, a obra arquitetônica no Brasil mais aguardada de 2015. 
 
 


COLABORADORES

Ana Mello

Ex-coordenadora do escritório Aflalo/Gasperini, Ana é arquiteta e, desde 2013, atua como fotógrafa. Nesta Monolito, são delas as imagens do FL 4300, projetado pelo escritório em que trabalhou.

Fernando Guerra

As fotos de Guerra do Pavilhão do Brasil, em Milão, são preciosas: são os melhores registros do espaço que não existe mais. Em 2015, ele ganhou o Arcaid, prêmio pela melhor fotografia de arquitetura do mundo.

Leonardo Finotti

Autor das fotos de cinco das nove obras desta edição, Finotti assina também ensaio com imagens expostas em 2015 no MoMA, de Nova York, que adquiriu 15 fotos para o acervo permanente.

Pedro Napolitano Prata

Após estudar fotografia em Sevilha, na Espanha, Prata formou-se arquiteto na Escola da Cidade, em São Paulo. Nesta edição, é dele o registro da escola do FDE, em Guarulhos, do H+F Arquitetos.

Pedro Vannucchi

Formado na FAU/USP, Vannucchi trabalha como fotógrafo desde 2007. Ele esteve mais de uma vez no Butantã para documentar a reurbanização da Favela do Sapé, ainda não finalizada.


SUMÁRIO

Texto
Diário: 2015 e nove espaços, de Fernando Serapião

Ensaio fotográfico
Leonardo Finotti

Obras selecionadas
FL 4300 (2010/2015), São Paulo, Aflalo/Gasperini
Escola estadual Nova Cumbica II (2009/2014), Guarulhos, SP, Hereñú + Ferroni Arquitetos
Reurbanização da Favela do Sapé (2010/2016), São Paulo, Catherine Otondo, Jorge Pessoa de Carvalho e Marina Grinover
Pavilhão do Brasil (2014/2015), Milão, Itália, Studio Arthur Casas e Atelier Marko Brajovic
Fábrica Unilever (2012/2015), Aguaí, SP, GCP Arquitetos
Sede do Campo Olímpico de Golfe (2012/2015), Rio de Janeiro, Rua Arquitetos
Galeria Claudia Andujar (2012/2015), Brumadinho, MG , Arquitetos Associados
Museu de Congonhas (2005/2015), Congonhas, MG , Gustavo Penna
Museu do Amanhã (2009/2015), Rio de Janeiro, Santiago Calatrava


Copyright 2011 - 2017 • Editora Monolito • Todos os direitos reservados
Criação de Sites - Célula Ideias